sexta-feira, 27 de março de 2015

Tipos de florestas do Brasil

Conheça as características das formações vegetais de cada região do Brasil e as riquezas que elas guardam.

 https://bio-orbis.blogspot.com/2015/03/tipos-de-florestas-do-brasil.html
Fonte da imagem - BioWoohoo.

VAMOS DESCOBRIR...

O Brasil é o segundo país do mundo com mais áreas florestais. Com 463 milhões de hectares, o país perde somente para a Rússia segundo o levantamento do Serviço Florestal Brasileiro de 2012.

Florestas são áreas que medem mais de 0,5 hectares, com árvores maiores que 5 metros de altura e cobertura de copa superior a 10%, ou árvores capazes de alcançar estes parâmetros in situ (no lugar). Esse conceito foi determinado pela Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO).

Conheçam agora os incríveis Biomas existentes no Brasil:


A Amazônia é um dos biomas mais importante do mundo e representa cerca de 30% das florestas tropicais do planeta. Sua enorme extensão, 4,2 milhões de hectares, e sua biodiversidade lhe garantem tamanha importância. A Floresta Amazônica se caracteriza por possuir grandes árvores, com copas fechadas e folhas largas, o que impede a entrada da luz solar mata adentro. Seu clima tropical é marcado por temperaturas quentes e altas quantidades de chuvas durante todo o ano.


A Amazônia brasileira se estende pelos estados do Amazonas, do Pará, de Roraima, de Rondônia, do Acre, do Amapá, do Maranhão, do Tocantins e parte do Mato Grosso. Além do Brasil faz parte ainda de outros oito países: Venezuela, Colômbia, Peru, Bolívia, Equador, Suriname, Guiana e Guiana Francesa.


O Cerrado é o segundo maior bioma brasileiro, ocupa cerca 24% do território nacional. O Cerrado brasileiro é a savana mais rica do planeta, abrigando 11.627 espécies de plantas nativas, segundo o Serviço Florestal Brasileiro. Muitas dessas espécies são importantes para usos medicinais e na alimentação. Sua vegetação é adaptada ao clima muito seco e com presença de queimadas, por isso prevalecem as herbáceas e os arbustos e árvores com troncos espessos e duros e com capacidade para armazenar grandes quantidades de água.


Sua área abrange os estados de Goiás, Tocantins, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Bahia, Maranhão, Piauí, Rondônia, Paraná, São Paulo e Distrito Federal, e partes do Amapá, Roraima e Amazonas.


A Mata Atlântica é a floresta mais desmatada do país. Ocupa hoje menos de 13% do território nacional, nas áreas litorâneas, mas encontra-se fragmentada em várias regiões. Ela é composta por diversas formações florestais, como as araucárias no Sul e os manguezais e brejos no Nordeste. É o bioma com mais espécies em extinção no Brasil. Suas árvores geralmente são de médio e grande porte.


Ela está distribuída por quase todos os estados brasileiros sendo eles: Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Goiás, Mato Grosso do Sul, Rio de Janeiro, Minas gerais, Espírito Santo, Bahia, Alagoas, Sergipe, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Ceará, e Piauí.


A Caatinga ocupa 10% do território nacional e é o único bioma exclusivamente brasileiro. Sua vegetação se caracteriza pela presença de arbustos espinhosos e florestas sazonalmente secas. Ela ocupa a região semiárida do país e possui uma biodiversidade ampla que é muito importante para as populações que vivem na região.


Ela está distribuída pelos estados do Ceará, do Rio Grande do Norte, da Paraíba, de Pernambuco, de Sergipe, de Alagoas, da Bahia, do Piauí e do norte de Minas Gerais.

Pampa

Os Pampas são as Estepes (ou Pradarias) brasileiras. As vegetações dessa região são herbáceas acostumadas com fogos e queimadas. Também é possível encontrar, em áreas de transição, florestas subtropicais com araucárias. Esse bioma é muito utilizado para a pecuária no Sul do Brasil o que representa uma ameaça ao seu desenvolvimento.


O Pampa está presente no Rio Grande do Sul e se estende ainda para o Uruguai e a Argentina.


O Pantanal ocupa 1,8% do território brasileiro e se caracteriza por ser uma região de savana estépica alagada. Suas formações vegetais são bastante variadas e sua paisagem muito heterogênea.


O Pantanal está presente nos estados do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul além do Paraguai e da Bolívia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário