DESCUBRA AQUI!

sábado, 10 de maio de 2014

As raras focas panda

Mais um mamífero com pelagem parecida com as dos incríveis pandas gigantes. Venha conhecer a rara foca panda.


 https://bio-orbis.blogspot.com/2014/05/as-raras-focas.html
Histriophoca fasciata. Fonte da imagem: imgur.

VAMOS DESCOBRIR...

Conhecidas internacionalmente como Ribbon Seal (Histriophoca fasciata) estas focas chamam a atenção por suas listras pretas e brancas espalhadas pelo corpo. Esta é a única espécie viva no gênero Histriophoca.


Histriophoca fasciata. Fonte da imagem: imgur.
Esta é uma espécie ártica que é endêmica de águas geladas do Alasca e da Rússia. Atualmente, sabe-se pouco sobre esta espécie de foca com listras.

Um artigo publicado no portal Alaska Sea Grant Marine Education retrata o estado de conservação do raro animal é desconhecido.

Como outros membros da família dos Phocidae, as focas com listras pretas e brancas  ficam sexualmente maduras entre 3 -5 anos e a reprodução costuma acontecer em maio. Os animais jovens nascem no gelo, entre Abril e Maio. Eles são alimentados por quatro semanas sobre o leite de sua mãe, em seguida, deixam a sua mãe. Eles permanecem no gelo por mais algumas semanas, em que eles perdem a sua pele branca densa e perder uma quantidade drástica de peso. Após este período, eles são capazes de mergulhar e caçar por si só.



Sua dieta é constituída quase exclusivamente por criaturas pelágicas: peixes como Pollocks, o bacalhau do Ártico e cefalópodes, tais como lulas e polvos; focas jovens comem crustáceos também.

Os predadores da foca "panda" podem ser a orca, o tubarão dorminhoco do Pacífico, e o urso polarExistem informações que o último exemplar foi encontrado no Alasca, em 2005.

Fonte: TopBiologia

QUE FOCA MAIS DIFERENTE E INCRÍVEL. MAS NÃO VAMOS PARAR POR AQUI ABAIXO SEPARAMOS MAIS CURIOSIDADES ANIMAL PARA VOCÊ:

Veja 15 espécies que podem entrar em extinção a qualquer momento

 https://bio-orbis.blogspot.com.br/2015/03/veja-15-especies-que-podem-entrar-em.html


Nenhum comentário:

Postar um comentário