sexta-feira, 19 de junho de 2015

Chuveiro que recicla a água do banho

Brasileiro cria sistema de chuveiro que recicla água que permite banho com apenas 10 litros.


Pensando no longo prazo, é claro que compensa ser ecológico.

 Mas vai explicar isso para alguém que acorda às 7h em um dia de inverno. Tudo o que nosso corpo pede em uma situação dessas é um banho longo e bem quente. Nessa hora não tem crise hídrica ou energética que faça frente à tentação de ficar mais cinco minutos na água quentinha.

Por isso é tão bacana a invenção do engenheiro Pedro Ricardo Paulino, batizada de Showeair. O paulista de Valinhos inventou um chuveiro "infinito": a água que cai pelo ralo é reciclada e realimenta a ducha.

O equipamento é dotado de dois filtros, que purificam a água que passou pelo corpo, uma bomba, que faz o líquido subir de volta pelos canos, e um reservatório esterilizador que usa raios ultravioletas e ozônio, para uma limpeza final.

Terminado o banho, a água não vai direto para o esgoto: vai para o reservatório do vaso sanitário, diminuindo o consumo de água da descarga.

Este vídeo produzido pela EBC mostra como funciona a invenção:



Como a água que circula pelo sistema já foi aquecida na primeira vez em que passou pelo chuveiro, o banho gasta menos energia: a economia estimada é de até 70%.

Infelizmente, o valor ainda é bastante alto: os preços variam de R$ 8 mil a R$ 15 mil. "O sistema ainda é caro porque este é o primeiro projeto, que nem sequer foi lançado", disse Paulino à Folha de S.Paulo.

Tomara que as indústrias invistam na ideia, o Showeair passe a ser produzido em escala. Só isso pode tornar o preço mais acessível e nossos banhos mais quentinhos (sem culpa).

Nenhum comentário:

Postar um comentário