sábado, 25 de abril de 2015

Criatura tubular gigante é captada por câmera no fundo do mar

O que parece um grande tubo inflável é na verdade uma criatura tubular conhecida como Pyrosome. Apesar dela parecer um ser gigante, ela é, na verdade, muitas centenas ou milhares de animais chamados zooides embutidos em um tubo gelatinoso.


“Um longo Pyrosome é realmente uma coleção de milhares de clones, com cada indivíduo capaz de se copiar e adicionar à colônia”, explicou a bióloga marinha Rebecca Helm, na revista Deep Sea News.

O nome da criatura significa algo como “corpo de luz”, devido à sua bioluminescência, um brilho verde-azul que pode iluminar a colônia quando ela está ameaçada. 

Estes “cilindros na água” podem crescer absurdamente, às vezes ficando superiores a 12 metros de comprimento. Cada zooide se alimenta sugando na água, filtrando partículas pequenas e soprando os resíduos de volta para fora. Este é também o método que impulsiona a colônia em movimento, embora a um ritmo muito lento. Quando os zooides pausam este processo, a colônia pode afundar 500-700 metros abaixo da superfície do mar, de acordo com a New Scientist.

A filmagem foi capturado por Eaglehawk Dive Centre na Tasmânia, Austrália. Veja o vídeo aqui:


Fonte: TopBiologia

Nenhum comentário:

Postar um comentário