terça-feira, 17 de dezembro de 2013

Da extinção de volta a vida

Cientistas debatem a possibilidade de trazer animais extintos de volta a vida.

 https://bio-orbis.blogspot.com.br/2013/12/de-volta-vida.html

VAMOS DESCOBRIR...

Imaginem em um belo dia de sol, você sua família decidirem ir dar um passeio no zoológico. Chegando lá, a procura de elefantes, tigres e outros animais, você se depara com um gigantesco mamute peludo ou um tigre-dentes-de sabre a te fitar. É meus amigos, talvez daqui há uns tempos isso seja possível. 

Os cientistas  descobriram novas técnicas de clonagem e os avanços na biologia molecular permitem a reconstrução do genoma de animais que deixaram de existir há dezenas de milhares de anos. Seria um grande avanço para a ciência, mas antes de trazer de volta esses animais, os cientistas estão analisando as possibilidades de adaptações, problemas genéticos, entre outros, porque não é simplesmente trazê-los de volta da "morte" e colocá-los na natureza, isso envolve diversos fatores para a volta deles. Veja alguns animais que estão na lista:

1-Mamute (Mammuthus primigenius)

Fonte da imagem: dailymail.co.uk.

Grandes e imponentes, os mamutes foram extintos cerca de  10 mil anos atrás, provavelmente pela brusca mudança de clima e a caça (eram importantes fontes de alimento para o homem pré histórico).


2-Tigre-dentes-de-sabre (Smilodon fatalis)

Fonte da imagem: clickmeeblog.wordpress.com.

Extintos a 10 mil anos atrás devido a mudança climática e caça predatória.

3-Quagga (Equus quagga quagga)

Fonte da imagem: neitshade5.wordpress.com.

Subespécie de zebra que habitava as planícies da Africa do sul.

4-Dodô (Raphus cucullatus)

Fonte da imagem: animais.culturamix.com.

Extinta no seculo 16, devido a caça predatória.


5 - Tigre-da-tasmânia (Thylacinus cynocephalus)

Fonte da imagem: www.unilad.co.uk.

Extinto por volta do ano de 1930, o tigre-da-tasmânia era uma marsupial encontrado na Austrália, Nova Guiné e Tasmânia. Sua extinção está relacionada com a caça e perda de habitat.

6- Moa (Aepyornis maximus)

Fonte da imagem: carnivoraforum.

Gigantesca, Moa (conhecida como ave elefante),foi extinta por volta de 1400 devido a caça predatória.

Vejam um vídeo autoexplicativo do canal VejaPontoCom:


E NÃO PARE AGORA, POIS AQUI SEMPRE TEM MUITO MAIS (CLIQUEM NOS TÍTULOS OU NAS IMAGENS PARA ACESSAR OS LINKS):

Cangurus gigantes extintos andavam em vez de saltarem

 https://bio-orbis.blogspot.com.br/2014/10/cangurus-gigantes-extintos-andavam-em.html

Conheçam o Mamufante (mamute + elefante)

 https://bio-orbis.blogspot.com.br/2015/08/hibrido-mamufante-mamute-elefante.html

 https://bio-orbis.blogspot.com.br/2015/06/conhecam-o-bebe-do-gelo.html

 https://bio-orbis.blogspot.com/2014/12/voces-conhecem-o-doido-ops-o-dodo.html

E VENHAM SEGUIR NOSSAS COLEÇÕES NO G+, ONDE TODAS NOSSAS POSTAGENS ESTÃO EM CATEGORIAS E VOCÊ NÃO PERDE NENHUMA ATUALIZAÇÃO (CLIQUEM NAS IMAGENS ABAIXO PARA ACESSAR OS LINKS):

 https://plus.google.com/collection/YU0mQB https://plus.google.com/collection/cI6dQB

 https://plus.google.com/collection/o9fhQB https://plus.google.com/collection/YLgT0

6 comentários:

  1. Respostas
    1. Possível é. Mas não serão como eram antes. Serão diferentes pois como já estão extintos os cientistas terão que pegar uma espécie com maior compatibilidade de DNA para gerá-los, sendo assim eles serão misturas, mas não deixando de conter o DNA de um mamute por exemplo =D.

      Grande abraço,

      Equipe BioOrbis.

      Excluir
  2. Respostas
    1. Bom, os cientistas dizem que primeiro querem colocar eles em zoológicos. Mas mesmo assim é um processo bem arriscado. Se um desses animais volta a natureza não sabemos os reais impactos que eles podem causar a natureza.

      Agradecemos o comentário,

      Equipe BioOrbis.

      Excluir
  3. E emuito fixcioso mas acredito na possibilidade!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Pr Elionaldo,

      Difícil é, mas não impossível. Acrecido que só daqui uns 30 anos ou mais para conseguirem. Só espero estar vivo até lá pra ver algum desses incríveis animais. Mas o problema não é em conseguir trazê-los de volta a vida, e sim a polêmica por colocá-los de volta a natureza. Não se sabe o efeito que isso possa causar, pois o processo de extinção é um processo natural, claro que nós humanos temos uma parcela da culta na extinção de muitas espécies, mas não sabemos o isso pode gerar futuramente.

      Agradecemos pelo comentário, um grande abraço.

      Equipe BioOrbis.

      Excluir